macmais reader para ipad. download gratis
Home » Notícias » Apple » Eis o (suposto) motivo para as ações da Apple estarem ruins

Eis o (suposto) motivo para as ações da Apple estarem ruins

:: por Redação macmais :: 12/11/2012 :: Deixe um comentário

Que a Apple tem estado mal das pernas de acordo com analistas financeiros, todo mundo sabe. Chegou-se até a dizer que as ações da empresa passariam para baixo de US$ 425, e não mais que US$630 para o mais otimista. Segundo uma nova análise das ações de Cupertino, por Horace Dediu da Asymco, intitulada “Uma leitura dramática das ações da Apple“, a imprevisibilidade do mercado de ações da Apple pode ser compreendida- e a coisa talvez não esteja tão feia quanto parece.

Para Dediu, que estudou o andamento da Apple no mercado desde o lançamento do iPod em abril de 2001, as ações da Apple caíram 70% ano a ano e depois do iPod, mais 20% –  o que mudou com o surgimento do iPhone quando, por mais estranho que isso possa soar, “cada queda dramática no preço das ações foi seguida por um surto de crescimento dos lucros.”

E isso pode ser explicado por Dediu da seguinte maneira:

Pode-se até dizer que a pior tendência de queda [bear], melhor o crescimento. Soa completamente contra-intuitivo, mas há alguma lógica perversa nisso. O mercado reflete as crises de confiança. [...] Quando o desempenho da Apple é previsível o estoque se move lentamente para cima. Quando o seu desempenho é imprevisível o estoque se move dramaticamente baixo.

Ou seja, os designs e os produtos inovativos da Apple, de instância, causam um certo prejuízo aos lucros da Apple por, digamos, “assustar” os consumidores. Inegavelmente, surpreender não têm sido a palavra-chave da Apple com seus últimos lançamentos. Mas, de certa forma, a teoria de Dediu bate com o iOS 6 e o fracasso dos Mapas e até mesmo com o iPad mini.

Acompanhe a macmais nas redes sociais:

via 9to5Mac.

Deixe um comentário

 

Publicidade