Home » Notícias » Apple » iBooks 2 e livros-texto disponíveis na App Store

iBooks 2 e livros-texto disponíveis na App Store

:: por Redação macmais :: 19/01/2012 :: Deixe um comentário

A Apple acaba de apresentar em Nova York a primeira grande atualização do iBooks, o seu aplicativo para a leitura de livros digitais. O iBooks 2 traz como grande novidade os livros-texto, voltados à educação.

A segunda versão do aplicativo já está disponível na App Store, gratuitamente, é claro. Mas, se você já tem o app instalado, basta ir até a seção de Atualizações na App Store e fazer o update (37MB e requer iOS 4.2 ou superior).

Outra novidade é que a Apple disponibilizou também o livro Life on Earth gratuitamente na iBookstore para o iPad.

Os primeiro capítulos já estão disponíveis para download hoje e mais capítulos virão assim que estiverem pronto. O download, porém, tem 965MB e requer o iBooks 2 e iOS 5.

Além disso, a Apple apresentou também o iBooks Author, um aplicativo para Mac OS X que permite criar e-books. 

Atualização

Agora com mais calma, vamos explicar melhor o novo iBooks e os livros-texto, ou livros didáticos.

Estes livros didáticos, porém, não são livros normais, como a maioria dos alunos estão acostumados. Eles permitirão o uso de elementos em 3D, vídeos e definições de termos sem mesmo que o estudante precise virar a página. Mas talvez a melhor notícia seja realmente o preço dos livros. A Apple colocou um teto para eles e nenhum livro poderá custar mais do que U$ 14,99. Convenhamos, se o conteúdo didático for realmente bom, pagar este valor em um livro-texto é uma maravilha.

O Cult of Mac destaca ainda outras features que podem ser adicionadas aos livros. Em um livro de biologia, por exemplo, o aluno poderá ver imagens  de uma célula em três dimensões, com animações para cada processo. Por outro lado, caso ele queira apenas ler as informações (conservadores!), bastaria virar o iPad para a posição de retrato. Paisagem, animações; retrato, texto; simples.

Outras coisas legais são a possibilidade de usar seu próprio dedo como um marcador de texto: basta passa o dedo sobre a frase e, pronto, está marcado. Toque nas palavras que você não souber, e o glossário aparece. Faça um gesto de pinça, e o sumário aparece. E por aí vai…

O Engadget afirma ainda que a Apple permitirá que os autores e editoras coloquem o preço que quiserem em seus livros, desde que os mantenham abaixo dos U$ 14,99. O que a Apple ganha com esta política? 30% de todas as vendas! 


Acompanhe a macmais nas redes sociais:

 

Deixe um comentário

 

Publicidade